CORSAN DEVE INVESTIR MAS DE R$ 10 MILHÕES EM PARQUE DE CANOAS

Durante reunião do Conselho do Fundo de Investimento da Corsan em Canoas, que foi retomado na última semana, foi discutida a destinação de R$ 10 milhões pela companhia na Fazenda Guajuviras. Um novo projeto para a utilização da área deve ser elaborado.

De acordo com o secretário do Meio Ambiente, Paulo Ritter, o valor será utilizado na construção de um parque na Fazenda. “Na reunião, aprovamos que o projeto será desenvolvido pelos arquitetos e engenheiros da própria Prefeitura. Assim, daremos mais agilidade, excelência e qualidade ao Parque. Além disso, também conseguiremos diminuir os custos e oferecer aos canoenses um novo local de lazer e educação ambiental”, destaca.

As reuniões do conselho, que devem ser trimestrais, não estavam ocorrendo desde 2019. Na última semana, os encontros, que tem como objetivo discutir investimentos para o esgoto e a gestão compartilhada na cidade, foram retomados

Chuveiro na Praia do Paquetá

Outra parceria entre a Secretaria do Meio Ambiente e a Corsan é a instalação de um chuveiro na Praia do Paquetá. Até o próximo verão, o chuveiro, igual aos instalados em praias e balneários do litoral, deve estar disponível aos usuários do Paquetá. 

Ritter quer que as pessoas utilizem mais os espaços da cidade. “Nosso objetivo é realizar uma série de intervenções urbanas, para incentivar a população a ocupar os espaços públicos, promovendo o bem-estar dos canoenses, o equilíbrio ambiental e o desenvolvimento da cidade”, conclui 

Você pode gostar...

Fale Conosco
Enviar